Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
LIABESP faz prestação de contas “às escuras” e sem a presença da imprensa
14/02/2016 00:14 em Novidades

No último sábado (12) seria a data em que a diretoria da Liga das Agremiações dos Blocos e Escolas de Samba de Parauapebas (LIABESP) faria a prestação de contas sobre o carnaval 2016 que foi realizado recentemente.

A reunião em que seria realizada a prestação de contas estava agendada para acontecer nas dependências do Centro de Desenvolvimento Cultural de Parauapebas (CDC), com a presença de representantes de blocos carnavalescos filiados à Liga e também de profissionais de imprensa local que foram convidados para acompanharem o ato.

Profissionais de imprensa e até mesmo alguns representantes de blocos estiveram ás 18h00 no CDC, porém, depois de vários minutos foram informados que a reunião estaria sendo realizada em outro local e bairro de Parauapebas. A notícia pegou todos de surpresa, principalmente os jornalistas que foram à reunião para buscar informações com a diretoria da LIABESP sobre as prestações de contas do carnaval 2016, tendo em vista que várias denuncias de irregularidades foram feitas.

A atual presidente da Associação de Imprensa e Comunicação de Parauapebas (AICOP), Cléo Lopes, que esteve no local como outros jornalistas, afirma que no seu ponto de vista, a mudança de local da reunião sem comunicar a todos foi uma falta de respeito muito grande com profissionais de imprensa e associados à Liga. “Convocaram uma reunião e convidaram a imprensa para se fazer presente, mas o que percebi foi a falta de compromisso em ter mudado o local sem avisar. Será que a LIABESP tem algo a esconder da população? Uma pergunta que infelizmente fica para todos que aqui estiveram”, frisou Cléo Lopes.

Outro lado

A equipe de reportagens do Portal Pebinha de Açúcar entrou em contato via WhatsApp com Cícero João, atual presidente da Liga das Agremiações dos Blocos e Escolas de Samba de Parauapebas, para o mesmo se pronunciar sobre a reunião que foi mudada de local em cima da hora, porém, o mesmo disse que iria se pronunciar pessoalmente à imprensa.

Por sua vez, Mabiana Guimarães, atual tesoureira da LIABESP, em contato com a reportagem do Pebinha de Açúcar, informou que a reunião realizada ontem não se tratava de uma prestação de contas e sim balanço do carnaval 2016 em Parauapebas. “Nossa diretoria está à disposição da imprensa para possíveis esclarecimentos, prova disso é que hoje mesmo o presidente Cícero João esteve no Programa Barra Pesada Parauapebas e respondeu os questionamentos do jornalista Kelves Raniery”.

Prefeitura se manifesta

Através de sua Assessoria de Comunicação (ASCOM), a Prefeitura Municipal de Parauapebas divulgou a seguinte nota à imprensa:

Com relação ao incentivo a desfile de blocos e escola de samba, a Prefeitura de Parauapebas esclarece que:

 Devido à falta de prestação de contas da Liga das Agremiações de Blocos e Escola de Samba de Parauapebas e Região (Liabespr) à Prefeitura, referente a anos anteriores, a Prefeitura ficou impedida de efetuar o repasse à Liabespr, este ano;

 Mediante o impedimento de repasse direto, a Prefeitura estimulou o patrocínio por meio do empresariado local, que foi sensibilizado quanto à importância do fomento às atividades de escolas e blocos carnavalescos;

 Coube à Prefeitura, no Carnaval 2016, o apoio ao desfile dos blocos e escolas de samba com estrutura que incluiu: trio elétrico, tendas, arquibancadas, divulgação, transporte de material e pessoal, além de bandas e segurança;

 Por se tratar de patrocínio de forma privada, a Prefeitura não possui gerência sobre a forma de aplicação dos recursos, bem como, não tem conhecimento sobre as contrapartidas exigidas pelos patrocinadores aos blocos e escolas para a realização dos desfiles;

 A Prefeitura atua como agente de incentivo às políticas públicas para a cultura de forma transparente, respeitando o direito da livre manifestação popular. Assim, orienta a Liabespr o esclarecimento sobre a forma da aplicação dos recursos.

Fonte: Pebinha de Açúcar

COMENTÁRIOS