ENEM 2017: provas deste domingo - matemática, física, química e biologia
12/11/2017 - 7h27 em Notícias

Candidatos terão de responder 90 questões de exatas e biológicas; primeiro dia teve 30% de abstenção e 273 eliminações.

Por Ana Carolina Moreno, Ardilhes Moreira, Luiza Tenente e Vanessa Fajardo, G1

12/11/2017 00h01  Atualizado há 8 horas

 Enem 2017 teve humanas no primeiro domingo; neste dia 12, candidatos fazem prova de exatas e biológicas. (Foto: Arquivo/G1) Enem 2017 teve humanas no primeiro domingo; neste dia 12, candidatos fazem prova de exatas e biológicas. (Foto: Arquivo/G1)

Enem 2017 teve humanas no primeiro domingo; neste dia 12, candidatos fazem prova de exatas e biológicas. (Foto: Arquivo/G1)

Passou a redação e a prova de ciências humanas. Agora é a vez da prova de ciências exatas do Enem 2017, que pela primeira vez é aplicado em dois domingos. Dos 6.731.344 inscritos, 2.033.590, o equivalente a 30,2%, faltaram no primeiro dia. Estes até podem participaram da prova deste domingo (12), se cumprirem os requisitos, mas não terão pontuação suficiente para participar de programas do governo federal ou disputar vagas na universidade.

Gabarito extraoficial e resolução comentada

O Enem é a principal forma de acesso para vagas na rede pública de ensino superior, passando até mesmo a ser aceito pela Universidade de São Paulo (USP) e em 27 instituiçoes de Portugal. Para o Ministério da Educação (MEC), é a segunda maior prova do tipo no mundo, só perdendo para o gao kao, prova de admissão ao ensino superior da China, com 9 milhões de candidatos.

A partir das 18h, o G1 terá um programa ao vivo para corrigir e comentar a prova. O gabarito oficial das provas só será divulgado na próxima quinta-feira (16), e as notas individuais saem no dia 19 de janeiro.

MUDANÇAS

A prova do domingo passado (5), estreou uma série de mudanças no formato do Enem. Além de deixar de ser aplicado durante um fim de semana só, incluindo sábado e domingo, o Ministério da Educação mudou a distribuição da prova.

Neste domingo, os candidatos terão de responder 45 questões de química, física e biologia, e outras 45 de matemática. (Os professores dizem que a estratégia dos alunos para resolver a prova também precisa mudar.)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) também eliminou do exame a função de certificação do ensino médio, e ainda incluiu mudanças nos cadernos de prova, que passam a ter também os nomes dos candidatos para aumentar a segurança.

BALANÇO DO PRIMEIRO DIA

O primeiro dia de provas do Enem correu dentro do previsto, segundo o balanço do Ministro da Educação, Mendonça Filho. “Tudo ocorreu bem tendo em vista o tamanho do exame”, disse em entrevista à imprensa concedida em Brasília, na noite do domingo (5).

Um dos destaques da primeira prova foi tema da redação “A formação educacional para surdos” provocou debates sobre inclusão e deficiência ao longo de toda a semana. Na prova de ciências humanas, a análise dos professores é de que havia textos longos e nível de dificuldade média.

Um total de 273 participantes foi eliminado. Desses, 264 foram desclassificados por descumprimento de regras gerais do edital e 9, por terem algum equipamento identificado pelo detector de metais. Um aluno foi flagrado com um cigarro de maconha no bolso, mas após entregar a droga, continuou fazendo exame. Na edição do Enem do ano passado, houve 3.942 eliminações no primeiro dia de prova.

Cerca de 3.500 candidatos vão ter o direito de refazer o primeiro dia de provas. Eles estavam em nove locais de prova em Pernambuco, Goiás e Piauí e foram prejudicados por falta de energia elétrica. Eles poderão fazer as provas de ciências humanas no dia 12 de dezembro, mesmo dia em que estes exames serão aplicados às pessoas privadas de liberdade.

HORÁRIOS E LOCAIS DE PROVA

Os locais e horários da prova deste domingo ficam mantidos. Os locais de provas terão seus portões abertos às 12h e fechados às 13h, seguindo o horário de Brasília. Porém, o Brasil tem quatro fusos horários diferentes, pois alguns estados aderiram ao horário de verão.

 

A diferença para este domingo é que a duração da prova é de 4h30, uma hora a menos do que a do domingo anterior.

COMENTÁRIOS