Volume
Redes
Sociais
Já está em Belém, o trio preso em Redenção acusados de roubo a bancos
13/02/2018 - 9h10 em Notícias

Foram presos o casal Jhonatan e Elivânia e um terceiro homem identificado como Alexsandro. A prisão ocorreu em duas residências de Redenção. O casal foi preso na rua Francisco Borges, no setor Novo Horizonte, e Alexsandro foi capturado em uma outra residência que, segundo a polícia, servia como base de apoio para assaltantes de banco, que praticaram assaltos na região do sul do Pará e no Estado do Tocantins.

Em poder dos acusados a polícia encontrou dezenas de banana de dinamites e cordão para detonador. Acredita-se que o trio teve envolvimento no assalto a caixas eletrônicos da agência do Banco do Brasil de Rio Maria e ao carro-forte da empresa de valores Prosegur, ocorrido há poucos dias na rodovia PA-279, próximo à cidade de Água Azul do Norte.

Durante a prisão, um dos acusados disse que o artefato explosivo seria usado para explodir minas em garimpos da região. “Eu iria utilizar para explodir mina de cobre no garimpo”, disse Alexsandro. Um dos policiais que participaram da operação aproveitou a deixa do assaltante e disse que, realmente, na gíria da malandragem, “cobre” significa dinheiro, então “a dinamite seria usada na explosão de bancos que guardam dinheiro, representando garimpo para esses assaltantes”, completou o policial.

De acordo com o delegado, os acusados possuem ligação com o bando que foi desarticulado há cerca de 15 na cidade Marabá, onde foram presos dois elementos e um foi morto durante troca de tiros com a polícia em cima de um telhado de uma residência. A polícia chegou até os acusados, devido informações levantadas pelo número de aparelhos celulares dos envolvidos. O trio já foi conduzido para um presídio da capital paraense.

COMENTÁRIOS