Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Indiciado por homicídio ocorrido na Páscoa já está preso
13/08/2019 19:59 em Notícias

A Delegacia de Homicídios da Polícia Civil cumpriu nesta terça-feira (13), mandado de prisão preventiva contra Manoel Gonçalves da Silva, indiciado pelo homicídio de José Rodrigues Gomes, o “Zezão”, de 50 anos, crime que ele praticou no Domingo de Páscoa deste ano, dia 21 de abril, no Bairro Novo Horizonte.

Conforme divulgado nesta tarde, Manoel vai responder ao crime de forma qualificada, por motivo fútil e impossibilidade de defesa da vítima, além de porte ilegal de arma de fogo de numeração adulterada. A prisão foi decretada por ocasião do recebimento da denúncia pelo Poder Judiciário.

Dois dias depois do crime, na terça-feira (23), Manoel se apresentou na Delegacia de Homicídios, acompanhado do advogado Odilon Vieira. Conforme divulgado pelo Correio de Carajás à época, ele confessou o crime, prestou depoimento e foi liberado porque já havia passado o período do flagrante. Apresentou, ainda, a arma do crime com o respectivo estojo de munição deflagrado.

Manoel alegou que não tinha a intenção de matar ninguém e a vítima estava muito agressiva, afirmando que a intensão foi desferir uma “coronhada”, mas ocorreu o disparo acidentalmente. Zezão morreu pela madrugada, na Rua Araguaia.

Na ocasião, moradores da área informaram à Reportagem que a vítima era alcoólatra e morava na Rua Rio Vermelho em companhia da mãe. O portal tenta contato com o advogado que o acompanhou na apresentação espontânea para solicitar posicionamento. (Luciana Marschall)

 

Fonte: Correio de Carajás

COMENTÁRIOS