Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Preço de combustíveis não vai aumentar no Pará
28/01/2016 10:12 em Notícias

Porém, o litro da gasolina, a R$ 3,82, continua entre os mais caros do Brasil

Decisão do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) manteve o preço médio dos combustíveis no Pará. O último reajuste de 5,73% ocorreu no dia 1º de janeiro. Após esta variação no valor dos combustíveis, os preços praticados no Pará foram mantidos nas duas últimas portarias publicadas pelo Conselho. Apesar dessa situação, o litro da gasolina no Pará, cobrado a R$ 3,82, continua entre os mais caros do Brasil.

A variação no preço médio dos combustíveis se dará em 17 das 27 Unidades da Federação e passará a valer no dia 1º de fevereiro. A decisão do Confaz alterou os valores dos combustíveis nos Estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Sergipe, São Paulo, Tocantins e no Distrito Federal.

Com esta última decisão do Confaz, a lista no preço do litro da gasolina no Brasil passa a ser liderada pelo estado do Acre, onde é cobrado R$ 4,03 pelo litro  do combustível. Já os postos de São Paulo apresentam os menores preços, variando em média a um custo de R$ 3,21.

No Pará, levantamento semanal da Agência Nacional de Petróleo (ANP) indicou que o litro da gasolina praticado em Santana do Araguaia, no extremo sul do Estado, está bem acima do valor definido pelo Confaz. Naquele município, o litro do combustível varia de R$ 4,49 a R$ 4,59.

A pesquisa semanal realizada pela ANP no período de 17 a 23 de janeiro apontou também que o preço médio da gasolina em Belém (R$ 3,79) é o mais barato em todo o Pará. Na capital paraense é possível encontrar postos de combustivel cobrando de R$ 3,69 até R$ 3,89 pelo litro da gasolina.

 

 

(Fonte:ORM)

COMENTÁRIOS